Postagens

Mostrando postagens de Setembro, 2009

Por que Delphi?

Antes de ser um texto apaixonado de um fanboy qualquer de uma tecnologia qualquer, isso é um texto explicativo do básico do básico sobre
linguagens de programação e compiladores.



Muitas pessoas confundem erroneamente uma linguagem de programação com o seu compilador e com a IDE em que se programa, caso houver uma. Muitas pessoas também confundem
o fato de uma linguagem ser "compilada" ou "interpretada" por um outro sistema como uma limitação da linguagem em si.



O que deve ficar claro para qualquer programador, iniciante ou experiente, é que a linguagem é a parte mais abstrata e flexível do ato de programar em si.



Uma linguagem de programação, assim como a linguagem natural nativa de um povo ou civilização qualquer, não passa de um conjunto de simbolos, grupos de simbolos, palavras
e regras gramaticais para interligação e relacionamento entre esses simbolos.



Mais do que isso, uma linguagem, seja nas artes, nas exatas ou em qualquer campo…

O dilema do envio de e-mail

Hoje em dia um sistema enviar um e-mail automático é não só comum como uma necessidade. Sistemas enviam e-mails automáticos para usuarios que se cadastram num sistema, enviam login e senha para quem esqueceu, enviam as ofertas da semana e uma infinidade de eventos que acontecem em sistemas online.
Mas não são apenas os sistemas web como e-commerce ou sites de rede social, mas ERP's, CRM, SCM e HRM também enviam e-mails. Pipelines de produção avisam gerentes quando uma variável atingiu um valor crítico ou exige atenção. Por exemplo, quando um determinado produto ou insumo no estoque atinge um determinado nivel, o responsável recebe um e-mail, e , as vezes, o fornecedor também recebe um e-mail com a proposta de compra.
Programas de monitoria de rede, de segurança etc enviam e-amils.
Enfim, as aplicações precisam enviar e-mails para os mais diversos fins. Cada linguagem tem a sua maneira e a sua peculiaridade. Mas o que é necessário para enviar um e-mail?
Pasmem, embora o spam seja …